Como criar novos hábitos e melhorar resultados

Se os hábitos fazem de nós o que somos, o que precisa fazer para criar novos hábitos e melhorar resultados? O segredo para a mudança está, primeiro, em conhecer como funciona o seu cérebro.

Como pessoas, gostamos de ser consistentes. As nossas atitudes tendem a estar em sintonia com os nossos valores e crenças.

Pelas palavras de Charles Duhigg, autor do livro A Força do Hábito, os nossos hábitos guiam o nosso destino. Criar e cultivar bons hábitos, conduzem-nos a um destino de sucesso.

Continue a ler o artigo e descubra como pode criar novos hábitos e melhorar os seus resultados.

O artigo está dividido pelos seguintes tópicos:

  • Como funciona o nosso cérebro?
  • Identifique e aprenda a modificar hábitos antigos
  • É necessário planear
  • Passos para começar a criar novos hábitos
  • Dicas de livros para aprofundar o assunto

Como funciona o nosso cérebro?

Para trás ficam as teorias sobre a morte dos neurónios e os processos cognitivos degenerativos. Actualmente, sabemos que os neurónios geram novas conexões que nos permitem aprender coisas novas, até ao dia em que morremos.

O nosso cérebro é plástico (neuroplasticidade) e funciona com dois sistemas paralelos: o sistema lento e o sistema rápido.

O sistema lento ou deliberado, controla o que fazemos de modo consciente e atento. O sistema rápido, é o responsável por automatizar a maior parte das tarefas, tornando-as em hábitos.

Porque é que o nosso cérebro age desta forma? A resposta é: Poupar energia.

Entre gastar energia e desperdiçá-la, o nosso cérebro prefere a opção mais económica. Por isso é que por vezes, os hábitos são difíceis de mudar.

Alguns neurocientistas afirmam que o cérebro tem uma capacidade 15 mil vezes superior a de um computador. Isto porque a máquina natural (cérebro) é capaz de criar novas ideias, adaptar-se ao meio, produzir emoções, etc.

O próprio interesse por querer mudar ou criar hábitos, a motivação e a atitude, convidam o nosso cérebro a uma reorganização constante. Um processo que está presente desde o nascimento até à morte.

Identifique e aprenda a modificar hábitos antigos

Existem muitas teorias sobre o número de dias necessários para criar novos hábitos e a opinião divide-se. Para alguns 21 dias são suficientes, para outros, 30 dias é o número correcto.

Na minha opinião, os dias necessários para realmente tornar qualquer tipo de acção um hábito, depende da vontade e da luta diária de cada indivíduo.

Para modificar hábitos antigos, é preciso que tenha a consciência de identificar os hábitos que quer alterar.

O conselho que eu dou é: crie uma lista consciente de todos os hábitos que gostaria de adoptar na sua vida. Já terminada essa lista, analise cada um dos itens que escreveu e pergunte a si mesmo, se faz sentido para a sua vida implementar aquele hábito e porquê? (reveja a sua rotina.)

Saber qual é o motivo de querer implementar qualquer hábito é muito importante. Apontá-lo também. E porquê? É necessário um suporte motivacional para aqueles dias que vai querer desistir da mudança. (acredite, eles existem.)

Assim, quando pensar em desistir da mudança, lembre-se, existe um porquê!

É necessário planear

O nosso cérebro é resistente. No livro Manhãs Milagrosas, do autor Hal Elrod, existe uma proposta de 30 dias para a mudança. Contudo, Hal ainda faz outra divisão, ele diz para dividir os 30 dias da proposta, em três períodos de dez dias.

Hal Elrod afirma que, o primeiro período de dez dias é o mais complicado de suportar. O nosso cérebro vai tentar resistir à mudança.

Já na segunda fase, apesar de ainda existir algum desconforto, a acção começa realmente a parecer um hábito. Mas atenção, Hal refere que é nesta fase que a tentação de desistir pode ser maior, por isso mantenha-se disciplinado!

O hábito integra-se automaticamente na sua vida, no último período de dez dias. Para planear a integração de um novo hábito, eu aconselho seguir o desenvolvimento da integração.

Se gosta de escrever, faça um Habit Tracker num caderno.

Se é adepto das novas tecnologias, actualmente também existem alguns aplicativos muito interessantes que pode adoptar.

  • Momentum Habit Tracker (ver)
  • Productive Habit Tracker (ver)
  • Habitshare (ver)
  • MindSet: The Good Habit App™ (ver)

Passos para começar a criar novos hábitos

No artigo Como tornar a organização um hábito, eu abordei os principais passos para a criação de novos hábitos que, resumidamente são:

  • Definir o seu propósito
  • Escolher um gatilho
  • Baby steps
  • Consistência e Determinação

Para saber o que é necessário fazer em cada uma destas fases, aconselho mesmo a ler o artigo, clique aqui.

Dicas de livros para aprofundar o assunto

Se gostaria de aprofundar mais sobre este assunto, recomendo os seguintes livros:

  • Manhãs Milagrosas – Hal Elrod (ver)
  • A Força do Hábito – Charles Duhigg (ver)
  • Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes – Stephen R. Covey (ver)
  • Tenha um bom dia ! – Caroline Webb (ver)

Neste momento, os hábitos que tento implementar na minha vida todos os dias são: acordar às 5:00 da manhã (#5AMclub), beber 2L de água, comer de forma saudável, escrever e ler.

Tenho dias em que o processo é mais fácil e outros dias, mais difícil. O importante é a consistência!

Bons hábitos levam-nos a melhores resultados! Espero sinceramente que este artigo sirva de inspiração para a criação de novos hábitos.

Partilhe a sua experiência sobre hábitos. Quais são os hábitos que gostaria de implementar e que nunca conseguiu? Quais os que já conseguiu? Dicas para criar novos hábitos?

Muito obrigada! Tenham um excelente dia!

♥ Adriana

Partilhar: